23 de outubro de 2012

Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender


“Nós, educadores, sentimos falta ainda de outras teses, teses que nos ajudem a entender o ato de aprender, para entendermos melhor o ato de ensinar. Para nós educadores não basta saber como se constrói o conhecimento. Nós precisamos dominar outros saberes da nossa difícil tarefa de ensinar. Precisamos saber o que é e, sobretudo, como aprender."

As teses a seguir foram tiradas de múltiplas vivências, seja da minha prática, seja de teóricos que estudei, mas sobretudo da convivência de 23 anos com Paulo Freire. Aprendi dele muitas lições. Tivemos oportunidade, com frequência, de trocar ideias sobre isso. Paulo, como educador, estava preocupado constantemente com o ato de aprender, de estudar, de ensinar.

Reúno aqui pelo menos sete teses sobre esse tema:

1ª – Aprendemos a vida toda. Não há tempo próprio para aprender.

2ª – Aprender não é acumular conhecimentos. Aprendemos história não para acumular conhecimentos, datas, informações, mas para saber como os seres humanos fizeram a história para fazermos história.

3ª – O importante é aprender a pensar (a realidade, não pensamentos), aprender a aprender.

4ª – É o sujeito que aprende através da sua experiência. Não é um colectivo que aprende.

5º – Aprende-se o que é significativo para o projeto de vida da pessoa. Aprendesse quando se tem um projeto de vida.

6ª – É preciso tempo para aprender e para sedimentar informações. Não dá para injetar dados e informações na cabeça de ninguém. Exige-se também disciplina e dedicação.

7ª – Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender

In “Actualidade de Paulo Freire” de Moacir Gadotti


8 comentários:

  1. Eu casava com esse homem!...rss...como adoro as coisas e o jeito que ele as dizia!Excelente texto,Geni!Vim tb agradecer o carinho deixado pela Cris em meu niver em nome de toda equipe de vcs!Valeu demais a atenção e amizade,meninas!bjs,

    ResponderExcluir
  2. Genis, sou uma mãe desesperada, tenho um filho de 5 anos que está na mesma escola desde os dois anos, ele está no Pré I, meu filho sempre foi agitado, mas ele é um menino educado, amoroso, muito inteligente, já escreve, e estuda muito em casa, acontece que rafael durante esse ano pelos relatos da escola estava muito bagunceiro, atrapalhando a turminha, brincando muito, a escola disse q eu teria que arrumar uma psicologa, depois um neurologista e por fim ele está tomando remédio homeopático para ficar mais calmo e menos agitado, já são 3 semanas tomando medicação e ele está melhor, acontece que a coordenadora se negou a fazer a rematricula do meu filho pro Pre II, alegando que ele não tem condições e que nao tem perfil ou nao se enquadrada nos parametros da escola para ir pro pre II, priemiro eles se negaram a mantê-lo na escola , eu bati pé e disse q nao tirava e que eles teriam q expulsar se fosse o caso, eu estou chocada com eles, aterrorizada com essa coordenadora, rafael é inteligente, eu disse q ele outro dia leu a palavra lixo e ela debochou dizendo q era grande coisa, o problema dela é comigo, ela disse q na escola ele nao fica eque se ficar vai repetir o ano, como assim?? pelo q eu sei de lei na educação infantil não se reprova?? o que eles podem fazer contra meu filho??? eles podem dizer que ele nao vai pro pre II??? me ajude por favor pq já fui 3 vezes pagar e eles se negram a receber, o que eu faço???

    ResponderExcluir
  3. Oi Amiga!
    Que bom passar por aqui e contemplar suas belas postagens.Parabéns sempre pelo belo trabalho que realiza.
    A você quero dedicar o Selinho Prêmio Dardos com admiração e carinho.Você MERECE!
    Passe lá e confira pelo link http://rosangelaprendizagem.blogspot.com.br/2012/10/premio-selo-dardos.html
    Abraços e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  4. ACHEI EXCELENTE A POSTAGEM ....EM TODA CAMINHADA QUE VENHO FAZENDO, SEMPRE AGI EAJO ASSIM.FOI APRENDENDO QUE ENSINEI A OUTRAS PESSOAS, NA EQUIPE DE ENFERMAGEM,, NA VIDA FAMILIAR, NAS CAPACITAÇÕES REALIZADAS , NO TRABALHO COMUNITÁRIO. SO SE APRENDE FAZENDO. NEM TODAS AS PESSOAS NO ENTANTO ACEITAM ESTA DINÂMICA. GRATA PELA POSTAGEM.

    ResponderExcluir
  5. Adorei o texto. Adoro Paulo Freire e suas concepções.

    "O sujeito aprende através de suas experiências"

    Fantástico.

    Acho super importante voltarmos a estudar sempre os grandes pensadores da educação e suas teorias.

    Professor nunca para de aprender e apreender.

    Beijocas
    Cris Chabes

    ResponderExcluir
  6. Que interessante! Gosto muito de estudar as ideias do Paulo Freire. Também tenho aprendido a gostar de Gadotti. Adorei Gênis!

    ResponderExcluir
  7. Ola, adoramos seu post, no nosso site tem muitas frases relacionadas, confira :

    http://www.quemdisse.com.br/

    Att Quem Disse

    ResponderExcluir
  8. Ola, adoramos seu post, no nosso site tem muitas frases relacionadas, confira :

    http://www.quemdisse.com.br/

    Att Quem Disse

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante.
Obrigada por participar!