2 de abril de 2012

"Uma joaninha diferente"


Hoje, dia 02 de Abril, comemoramos o Dia de conscientização sobre o autismo, um dia de reflexão!

Falando sobre diferenças e a importância do respeito ao outro, no projeto "Tudo bem ser diferente, contei a história "Uma joaninha diferente" de Regina Célia de Melo para os meus alunos. Como eu não tinha o livro, criei joaninhas de eva e foi um sucesso!
Imagens do google



"Era uma vez uma joaninha que nasceu sem bolinhas...

Por isso ela era diferente.


As outras joaninhas não davam bola prá ela. Cada qual com suas bolinhas,

viviam dizendo que ela não era uma joaninha.


A joaninha ficava triste, pensando nas bolinhas e no que poderia fazer...

Comprar uma capa de bolinhas?

Ou, quem sabe, ir embora para longe, muito longe dalí?


Ela pensava e pensava...


Sabia que não seriam as bolinhas que iriam dizer se ela era uma joaninha

verdadeira ou não. Mas as outras joaninhas não pensavam assim...

Então ela resolveu não dar mais importância ao que as outras joaninhas

pensavam e continuou sua vida de joaninha sem bolinhas...

Até que um dia, as joaninhas reunidas resolveram expulsar do jardim aquela que

para elas não era uma joaninha!

Sabendo que era uma autêntica joaninha, mesmo sem bolinhas, teve uma idéia...

contou tudo para o besouro preto, que é parente distante das joaninhas.


Decidiram ir à casa do pássaro pintor e contaram a ele o que estava

acontecendo.

O pássaro pintor, então, teve uma idéia. Pintou com capricho o besouro, que

ficou parecendo uma joaninha de verdade...


E lá se foram os dois para o jardim: a joaninha sem bolinhas e o besouro

disfarçado.

No jardim ninguém percebeu a diferença. E com festa receberam a nova joaninha.


A joaninha sem bolinhas, que a tudo assistia de cima de uma folha, pediu um

minuto de atenção e, limpando a pintura que disfarçava o besouro preto,
perguntou:

- Quem é a verdadeira joaninha?"

5 comentários:

  1. Nós adultos que sempre vemos a diferença. Pra criança tudo é igual.

    ResponderExcluir
  2. Oi Melissa,
    muito importante divulgar. Adorei o post e a dica do livro.
    Que legal que você usou a receita dos biscoitos. Fico muito feliz quando consigo contribuir um pouquinho com os posts do blog.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Ótima ideia fazer em EVA, é uma boa história essa, as crianças tiram suas próprias conclusões.

    ResponderExcluir
  4. Que história Mel.... Esta é uma grande pergunta que devemos nos fazer sempre... quem é a verdadeira Joaninha! Amei!!! Mais uma vez parabéns pelo belo trabalho!

    ResponderExcluir
  5. Eu conheço esse livro e adoro trabalhar com esse tema na forma de histórias
    As crianças são menos preconceituosas que os adultos e aceitam muito bem o diferente, percebendo que todos somos
    Parabéns pelo post
    Beijocas
    Cris Chabes

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante.
Obrigada por participar!